A tecnologia revolucionou a maneira de aprender. Com smartphones potentes e uma internet cada vez mais rápida, os professores precisam encontrar novos meios de diversificar as aulas para despertar o interesse dos alunos. É aí que entra a abordagem investigativa, uma nova metodologia em que os estudantes aprendem experimentando.

Alunos segurando lupa examinando modelo de árvore em sala de aula aprendendo com método conhecido como abordagem investigativa
Na abordagem investigativa, os alunos são responsáveis pelo próprio processo de aprendizagem – Foto: iStock/Divulgação/Educa SC

Nesse modelo de ensino, os alunos são desafiados a encontrar soluções inovadoras para problemas relacionados aos conteúdos vistos em sala de aula. O objetivo é fazer com que eles tenham a oportunidade de aprender na prática, realizando pesquisas, entrevistas, experimentos e trabalhando em equipe com os colegas, além de outras possibilidades.

Essa técnica favorece a compreensão dos conteúdos com maior facilidade e desenvolve a autonomia nos estudantes, tornando-os responsáveis pelo próprio processo de aprendizagem. Dessa forma, o professor atua apenas como mediador. Gostou? Então, aprenda seis dicas para trabalhar a abordagem investigativa nas escolas:

Resolva problemas reais

No início dos anos 2000 era muito comum abrir um livro de matemática e se deparar com questões como “João tem dez mil laranjas. Se ele comer 500 laranjas, com quantas ficará? ”. Felizmente, os métodos de ensino evoluíram e essa forma de abordagem ficou para trás.

Hoje, pesquisas relacionadas a educação comprovam que os alunos são capazes de compreender melhor os conteúdos estudados em sala de aula resolvendo problemas que se aproximam da realidade.

Nesse contexto, visando incentivar os alunos a buscar soluções para problemas autênticos, o professor pode apresentar situações que podem ser encontradas na comunidade onde a escola está inserida.

Incentive a pesquisa

A melhor maneira de estudar um conteúdo é procurando informações sobre ele. Por meio da pesquisa, os alunos descobrem o que já se sabe sobre determinado assunto e são capazes de encontrar algo novo sobre ele.

A abordagem investigativa é uma metodologia que tem como principal característica a experimentação. Nesse recurso, a pesquisa é uma atividade muito incentivada, pois ela permite aprender sobre um determinado assunto na prática, facilitando a sua compreensão.

Além disso, essa atividade desenvolve a autonomia, pois os estudantes são os responsáveis para encontrar os resultados, guiando o próprio processo de aprendizagem.

Leia mais: Educação empreendedora: 5 dicas para aplicar na escola

Organize saídas de campo

Elaborar problemas autênticos pode ser um desafio para o professor, que precisa ser criativo e proativo para motivar os alunos. Por isso, organizar uma saída de campo com a turma pode ser uma ótima opção para explorar problemas reais que podem ser encontrados na própria comunidade.

A ideia é proporcionar aos estudantes a oportunidade de aprender a lidar com situações do dia a dia e resolver problemas na prática. Essa técnica, além de contribuir para o conhecimento dos alunos, também promove melhorias para o bairro que é transformado pelas ações da escola.

Incentive o trabalho em equipe

O trabalho em equipe desenvolve muitas habilidades nos alunos, como o comprometimento, a responsabilidade, a colaboração e a cooperação, além de fortalecer as relações de amizade e incentivar a interação entre os estudantes. Buscar soluções para um problema em conjunto torna a atividade mais fácil.

Além disso, cada aluno possui facilidade maior com determinado componente curricular, compartilhar os conhecimentos sobre os conteúdos faz com que os estudantes sejam capazes de aprender uns com os outros.

Leia mais: Importância do brincar: valorização das brincadeiras na escola

Use a tecnologia

A internet abriu várias portas para um mundo de conhecimento e possibilidades. Navegando nas redes é possível encontrar uma vasta quantidade de sites, vídeos, podcasts, aplicativos e jogos educativos. Considere explorar com os alunos este ambiente favorável ao aprendizado.

Você pode trabalhar com games nas aulas para torná-las mais atrativas e despertar o interesse dos estudantes. Além de facilitar a compreensão dos conteúdos, você pode contribuir para a formação dos alunos instigando-os a seguir carreiras na área tecnológica no futuro.

Compartilhe os resultados

Você sabe que aprendeu um conteúdo de maneira eficaz quando é capaz de explicar esse mesmo conteúdo para alguém, por isso é muito importante que o professor incentive os alunos a compartilhar os resultados obtidos durante o processo de aprendizagem.

O educador pode sugerir que os estudantes organizem uma feira no ambiente da escola para expor os frutos do trabalho realizado ao longo do semestre. Montar uma exposição contribui para o aprendizado dos alunos fazendo com que interpretem os resultados e as informações obtidas durante o processo de pesquisa.

Além disso, essa técnica é uma ótima aliada no combate a timidez na hora de apresentar as tarefas, pois estimula a fala e ajuda os alunos a se expressarem melhor.