A música pode ser trabalhada em sala de aula como uma ferramenta para auxiliar na aprendizagem, na memorização e também como um meio para transmitir uma mensagem. Foi com o objetivo de conscientizar a comunidade sobre a coleta de lixo da região, que os alunos da Escola de Educação Básica (EEB) Cecília Vivan, de Salto Veloso, criaram o “Vaneira Sustentável”.

Leia mais: Oficina de arte: criação de cerâmicas e pinturas traz benefícios para os alunos

Importância da coleta de lixo é tema de música criada por alunos
Importância da coleta de lixo é tema de música criada por alunos – Foto EEB Cecília Vivian

Observando os problemas do município com a coleta do lixo, o professor responsável pela Educação Empreendedora, Agnaldo Maurício Périco Lima, propôs aos alunos que criassem uma música para conscientizar a comunidade local sobre o descarte correto dos resíduos.

Como muitos dos moradores não separavam os lixos nos dias corretos da coleta, alguns problemas referente a isso estavam surgindo no município, como o mau cheiro, resíduos espalhados pelas ruas e animais revirando o descarte.

Trabalhar a música nas atividades escolares era algo familiar para a turma da 1ª série do Ensino Médio. Os estudantes já haviam feito uma paródia em outro exercício sobre lixo. A ideia foi abraçada por todos, que se uniram para mudar essa situação em Salto Veloso.

Os estudantes participaram de todo o processo da criação da música “Vaneira Sustentável”, desde a parte da escrita, melodia, ensaio e gravação. Buscando chamar atenção da comunidade, escolheram o estilo musical gaúcho, o vanerão, já que é o gênero preferido da maioria dos velosenses.

Como no grupo existiam alunos que gostavam de cantar e tocar instrumentos, a composição da música se tornou ainda mais fácil. No total, 18 estudantes de todas as turmas do Ensino Médio participaram do projeto. Além de cumprir o papel de levar a mensagem para a comunidade, essa prática também ajudou no desenvolvimento pessoal dos estudantes.

“No dia da gravação ficou evidente a evolução dos alunos, todos se superaram, mesmo os mais tímidos. O fato de serem protagonistas do empreendimento foi muito importante para eles. Todos se sentiram valorizados, percebi um avanço na autoestima dos alunos.” conta Agnaldo.

Tocada na rádio comunitária, divulgada nas redes sociais e apresentada pelos alunos ao vivo no “Dia da Família na Escola”, a “Vaneira Sustentável” recebeu elogios da comunidade local e foi bem aceita na região.

Ver o reconhecimento do projeto e que conseguiram ajudar a comunidade por meio de seu trabalho também fez com que os alunos se sentissem satisfeitos com essa atividade. “Parece que o objetivo foi alcançado. Foi muito importante e muito legal participar desse projeto. Espero que a gente possa criar outras músicas que possam contribuir de alguma forma com a nossa comunidade.”, declara a aluna Marcielli Pessoa.

Para realizar esse exercício, o professor utilizou como base a Práxis Pedagógica, que tem o objetivo de integrar a teoria aprendida em sala de aula com atividades práticas reflexivas, e aplicar o conhecimento em prol da comunidade. O intuito é encontrar uma solução para um problema da região e melhorar a qualidade de vida da população.